/Mourão nega divergências com Bolsonaro: somos complementares –

Mourão nega divergências com Bolsonaro: somos complementares –

Planalto

Mourão sobre Bolsonaro: "Ele tem a maneira dele de agir"

Mourão sobre Bolsonaro: “Ele tem a maneira dele de agir” (Foto: Valter Campanato/EBC)


Atualizado às 19:01

O vice-presidente Hamilton Mourão garantiu  em entrevista ontem à noite na Rede TV que seu relacionamento com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) “é excelente” e que os dois são “complementares”. Mourão também ironizou as declarações do escritor Olavo de Carvalho, considerado “guru” do governo Bolsonaro, que recomendou aos seus alunos que deixem os cargos que ocupam no governo. Carvalho disse ainda se arrepender a candidatura de Mourão.

“Bolsonaro e eu somos complementares. Ele tem a maneira dele de agir. O admiro muito, pois ele não esconde nada, tem um coração muito grande. Sempre está disposto a se sacrificar pelo País. No que eu puder assessorar ele, eu farei”, afirmou Mourão.

“O Olavo de Carvalho acha agora que eu sou comunista. Paciência”, reagiu o vice.

Mourão também minimizou a influência dos filhos de Bolsonaro no governo. “O presidente Bolsonaro é o primeiro na história da República que tem três filhos políticos. O tempo vai colocar cada um na sua função precípua, sem maiores problemas”, alegou.