/Aécio vira réu por corrupção e tentativa de obstrução da Lava Jato

Aécio vira réu por corrupção e tentativa de obstrução da Lava Jato

O deputado responderá por corrupção passiva e tentativa de obstrução da Lava Jato| Foto: Pedro Ladeira

Uma denúncia contra o deputado federal Aécio Neves (PSDB-SP) no âmbito da Lava Jato foi aceita pela Justiça Federal de São Paulo, nesta sexta-feira (5). O tucano é acusado de receber propina de R$ 2 milhões do empresário Joesley Batista, dono do frigorífico JBS e do grupo J&F, e de tentar obstruir investigações da Lava Jato. Segundo informações do portal G1, o advogado do parlamentar afirmou que “não há fato novo” e que vai “provar que Aécio foi vítima de ação criminosa”. A irmã, um primo e um assessor parlamentar do deputado também respondem ação penal por corrupção passiva.